HOME > DESTAQUES > Brasil empata com Senegal e chega ao terceiro tropeço seguido
Brasil empata com Senegal e chega ao terceiro tropeço seguido

Brasil empata com Senegal e chega ao terceiro tropeço seguido

A seleção brasileira segue sem saber o que é vitória depois da conquista da Copa América em casa, em julho. O time comandado por Tite empatou em 1 a 1 com Senegal, nesta quinta-feira, em amistoso disputado em Singapura, e chegou a três partidas sem triunfar. Firmino abriu o placar com um golaço, e Diédhiou empatou cobrando pênalti sofrido por Mané depois de bela jogada.

JEJUM INCÔMODO

O empate desta quinta-feira é o terceiro tropeço seguido do Brasil, que havia empatado com a Colômbia e perdido para o Peru em setembro. O incômodo jejum de três jogos sem vencer é o maior em mais de seis anos. A última vez que isso aconteceu foi mna virada de 2012 para 2013, quando a equipe chegou a ficar cinco partidas sem triunfar, sob os comandos de Mano Menezes e Luiz Felipe Scolari – na ocasião, perdeu para Argentina e Inglaterra e empatou com Colômbia, Itália e Rússia.

ATUAÇÃO SEM BRILHO

Escalada basicamente com a equipe que ganhou a Copa América em casa, a seleção brasileira teve mais uma atuação sem brilho. Depois de um bom começo, em que criou chances e abriu o placar com um golaço de Firmino, o time caiu de produção e passou a sofrer diante da marcação de Senegal, que também buscou o ataque e chegou a ter maior posse de bola. O gol sofrido no fim do primeiro tempo premiou a estratégia de Senegal, que teve as melhores chances em um segundo tempo em que as alterações de Tite não mudaram o panorama da partida.

CEBOLINHA E MATHEUS HENRIQUE

Everton entrou na vaga de Firmino aos 14 minutos do segundo tempo, mesmo depois do Brasil ter criado algumas oportunidades. Na sequência, aos 22, Matheus Henrique substituiu Arthur. Um minuto depois, Neymar cobrou falta próximo ao poste do Senegal. Aos 26, Richarlison entrou para a saída de Coutinho.

Everton criou a primeira chance de gol aos 31, quando arrematou de fora da área, perto da meta de Gomis. Dois minutos depois, Renan Lodi entrou para a saída de Alex Sandro. Aos 39, Sidy Sarr bateu forte e Ederson salvou. Um minuto depois, Matheus Henrique errou na saída de bola, Mané roubou a bola, avançou e acertou o poste do Brasil.

O Brasil atuou com: Ederson, Dani Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro (Lodi); Casemiro, Arthur (Matheus Henrique), Coutinho (Richarlison), Gabriel Jesus; Neymar e Firmino (Everton).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas