HOME > DESTAQUES > Brasileiro desenvolve aplicativo que ajuda na baliza; veja como funciona
Brasileiro desenvolve aplicativo que ajuda na baliza; veja como funciona

Brasileiro desenvolve aplicativo que ajuda na baliza; veja como funciona

Quem já fez as provas para tirar sua primeira habilitação sabe que a baliza é a principal vilã do processo e é algo que persiste mesmo com motoristas mais experientes. De acordo com o Detran, uma em cada três pessoas reprova justamente por causa deste exercício, que requer técnica e total controle do veículo, além de um bom senso de posicionamento. Pensando na solução para milhares de pessoas que não conseguem estacionar facilmente, o engenheiro eletrônico e aeronáutico Sérgio Miranda criou o Baliza Fácil, aplicativo que auxilia o condutor por meio de sensores e comandos de voz.

O programa funciona com um único sensor, instalado na capinha do parafuso de uma das rodas. O aplicativo interage com ele e, por meio de comandos de voz, orienta quais movimentos o condutor deve realizar para estacionar o seu carro de modo seguro e preciso. O sistema terá um custo similar ao da instalação de um sensor de estacionamento.

“Sempre tive dificuldades para fazer balizas. Certo dia percebi que poderia utilizar os conhecimentos do meu cotidiano como engenheiro aeronáutico, para desenvolver um sistema de baixíssimo custo, capaz de resolver essa dor que eu estava enfrentando”, conta Miranda. Este sistema de estacionar já foi testado por diversos motoristas e o engenheiro, para exemplificar a capacidade do programa, conta que chegou a balizar o automóvel de olhos vendados para provar que é simples de utilizá-lo.

Todos os elementos já foram desenvolvidos em parceria com o Edital da Inovação do SENAI, que aportou R$ 300 mil no projeto. Agora o aplicativo está na fase de ajustes finais para liberação dos lotes para produção. Uma campanha de financiamento coletivo (crowdfunding) será lançada no início de 2020 e quem participar da ação assegurará um pacote do Baliza Fácil na primeira leva, cujas entregas serão iniciadas a partir de junho.

Fonte: CanalTech

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas