Portal Verdes Pampas

EUA e Guatemala inauguraram nesta semana a embaixada em Jerusalém

O Governo de Donald Trump já tem muitas conquistas, mas quando perguntam ao Presidente dos Estados Unidos qual é a sua maior conquista ele não hesita em declarar: “O Reconhecimento de Jerusalém como a Capital de Israel e a Transferência da Embaixada Americana para a Cidade Santa”.

No dia 14 de Maio, justamente no dia em que Israel completou 70 anos da recriação do seu Estado, Donald Trump cumpriu a sua promessa e a inaugurou a embaixada Americana em Jerusalém.

As principais autoridades do país estavam presentes, entre os muitos convidados estavam Ivanka Trump e o cunhado do presidente Jared Kushner, que também é um de seus mais importantes assessores.

A Embaixada dos Estados Unidos foi inaugurada onde ficava o consulado americano na capital que foi adaptado para abrigar a Embaixada dos Estados Unidos, o mais irônico é que fica exatamente no limite entre Jerusalém Ocidental e Oriental, muito próximo de uma das aldeia árabes que podem ser hostis a mudança dos americanos, a aldeia de Sur Baher. A Embaixada dos Estados Unidos está localizada entre os bairros de Talpiot Mizrah e Arnona.

Na Guatemala:

A Guatemala inaugurou nesta quarta-feira em Jerusalém sua nova embaixada em Israel, seguindo o passo dos Estados Unidos em um processo de ruptura diplomática. É o segundo país a transferir sua representação diplomática para a cidade santa. Seu presidente Jimmy Morales e o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, inauguraram o novo órgão em uma torre moderna na região sul de Jerusalém.

 

O presidente guatemalteco Jimmy Morales e o premier israelense Benjamin Netanyahu na inaguração da embaixada da Guatelama em Jerusalém – DEBBIE HILL / AFP