HOME > DESTAQUES > G-4, vice e até título: Inter encara série em casa como “finais” por objetivos no Brasileirão
G-4, vice e até título: Inter encara série em casa como “finais” por objetivos no Brasileirão

G-4, vice e até título: Inter encara série em casa como “finais” por objetivos no Brasileirão

A derrota por 1 a 0 para o Botafogo no último domingo teve sabor amargo, mas o Inter iniciou a remobilização para as últimas três rodadas do Brasileirão ainda no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. Na reunião com dirigentes e comissão técnica, o elenco agrupou forças para encarar como “finais de Copa do Mundo” os dois jogos em sequência no Beira-Rio, contra Atlético-MG e Fluminense.A começar pelo Galo, às 19h30 desta quarta-feira.

Na reclusão do vestiário visitante, o clube traçou os objetivos possíveis de se alcançar na reta final de campeonato. O Inter mira duas vitórias para ao menos garantir o G-4. E ainda “seca” o Flamengo para reassumir a vice-liderança. O plano é chegar à última rodada já na segunda colocação e a depender de forças próprias contra o já rebaixado Paraná fora para assegurar o vice.

Isso, se o título não estiver em disputa. Mesmo a seis pontos do líder Palmeiras, a equipe ainda mantém esperanças – remotas – de brigar pelo tetra do Nacional até a última rodada.

D'Alessandro vibra com gol no Beira-Rio — Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG
D’Alessandro vibra com gol no Beira-Rio — Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG

– Parece que o Inter está em 13º, mas estamos em terceiro. Perdemos. Não gostamos de perder? Não. Mas quem vai ter que pagar esse preço é o Atlético-MG. É recuperar forças para que a gente possa confirmar nossas vitórias contra Atlético-MG e Fluminense e depois buscar a última contra o Paraná. O G-4 continua aberto. O campeonato está intacto. Time que está disputando as primeiras pontuações precisa da remobilização? Não precisa – afirmou o técnico Odair Hellmann.

Já mobilizado para seguir a luta no Brasileirão, o Inter se apega ao retrospecto no Beira-Rio. A equipe é a única invicta como mandantena competição e tem a segunda melhor campanha, com 43 pontos somados em 17 jogos – um a menos que o Palmeiras. A ideia é somar seis pontos para compensar os três meses sem vitórias fora de casa. Além do aproveitamento, a diretoria liberou o acesso às arquibancadas para todos os seus associados nos dois jogos.

– Temos duas finais em casa. Temos que buscar as vitórias do lado do nosso torcedor. A gente está invicto no Beira-Rio. Vamos fazer de tudo para vencer os dois jogos e ver o que a tabela vai nos apresentar. A gente está junto. Tem que se fechar mais ainda e buscar a vitória de qualquer maneira. Lá (no Beira-Rio) a gente é muito forte. O que não jogamos aqui, o Atlético-MG vai ter que pagar o pato – disse o vice de futebol Roberto Melo ainda no Nilton Santos.

Os três jogos do Inter pelo Brasileirão

36ª rodada – Inter x Atlético-MG – quarta-feira, às 19h30

37ª rodada – Inter x Fluminense – domingo, às 19h

38ª rodada – Paraná x Inter – domingo (2/12), às 17h

Força do Beira-Rio tem feito a diferença para o Inter — Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG
Força do Beira-Rio tem feito a diferença para o Inter — Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG

Além da vaga direta na fase de grupos da Libertadores, somar os seis pontos em casa impacta o futuro do Inter por outros dois motivos. O primeiro é financeiro. O clube quer ao menos o vice-campeonato de olho na premiação do Brasileirão, com uma diferença de mais de R$ 3,5 milhões para o terceiro colocado (confira os valores abaixo).

A garantia do G-4 ainda permite ao Inter avançar de vez nas tratativas de renovações e contratações para 2019. Em especial, se o título já estiver fora de cogitação. Com a semana livre entre a partida contra o Fluminense e a última rodada, a diretoria terá mais tempo para fazer reuniões e tratar das questões internas.

A começar pela permanência de Odair. Os dirigentes já procuraram o empresário Gilmar Veloz para manifestar o desejo de contar com o treinador para 2019. Não houve tratativa sobre valores, mas os vencimentos não devem ser entraves. A vontade das duas partes é de seguir com o trabalho. A tendência é que treinador e clube entrem em acordo em breve, sem qualquer novela.

Premiações do Brasileirão

R$ 18.069.300

R$ 11.373.030

R$ 7.759.170

R$ 5.633.370

R$ 4.092.165

Renovações à vista

Restará ainda tratar com os quatro atletas cujos contratos por empréstimo se encerram ao final da temporada: Leandro Damião, Rossi, Wellington Silva e Fabiano. O clube já manifestou o interesse em contar com todos, mas não avançou nas questões negociais.

Leandro Damião ainda não tem permanência garantida em 2019 — Foto: WESLEY SANTOS/ESTADÃO CONTEÚDO
Leandro Damião ainda não tem permanência garantida em 2019
— Foto: WESLEY SANTOS/ESTADÃO CONTEÚDO

Fabiano e Wellington Silva têm opções de compra em seus contratos. No caso do lateral, o Palmeiras só aceita a venda. Pelo atacante, por sua vez, o Inter tentará prolongar o vínculo de empréstimo do Fluminense. Mas a permanência defintiva não está descartada.

A negociação por Leandro Damião será direto com o empresário do atleta e terá início apenas ao fim do Brasileiro. O centroavante ficará livre de vínculo com o Santos e dá prioridade ao Inter. Por Rossi, será preciso tratar com os chineses do Shenzhen FC.

INTER X ATLÉTICO-MG – BRASILEIRÃO – 36ª RODADA

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

Data e horário: quarta-feira (21), às 19h30 (de Brasília)

Provável Inter: Marcelo Lomba; Fabiano, Emerson Santos, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson, D’Alessandro, Nico López e Patrick; Leandro Damião

Desfalques: Danilo Fernandes, Rodrigo Moledo, Gabriel Dias e Wellington Silva

Pendurados: Edenílson, Rodrigo Dourado, Nico López e Brenner

Provável Atlético-MG: Victor; Emerson, Iago Maidana, Leonardo Silva e Patric; Adilson, Matheus Galdezani e Cazares; Chará, Luan e Ricardo Oliveira.

Desfalques: Fábio Santos e Elias (suspensos); José Welison, Gustavo Blanco e Uilson (se recuperam de cirurgia).

Pendurados: David Terans, Denilson, Maidana e Victor

Trio de arbitragem: Raphael Claus, auxiliado por Danilo Ricardo Simon Manis e Rogério Pablos Zanardo. O trio é de São Paulo.

Transmissão: SporTV menos RS, Premiere e PFCI (com Luiz Carlos Jr. e Lédio Carmona). O GloboEsporte.com acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos exclusivos.

Fonte: Globo Esporte / Foto: Ricardo Duarte

LEIA MAIS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas