HOME > DESTAQUES > Grêmio demite Valdir Espinosa
Grêmio demite Valdir Espinosa

Grêmio demite Valdir Espinosa

O técnico campeão mundial pelo clube em 1983, Valdir Espinosa foi demitido do cargo de coordenador técnico nesta quinta-feira (10).
O desligamento do clube foi informada pelo próprio Espinosa, que alegou desavenças com a direção. O coordenador técnico chamou os repórteres presentes no CT Luiz Carvalho para uma entrevista coletiva. E com lágrimas nos olhos, mostrou-se decepcionado pela forma como foi avisado da demissão, comunicada pelo vice de futebol Odorico Roman.
– Hoje é o dia mais triste da minha vida. Me mandaram embora do Grêmio. Tivemos algumas desavenças e espero, da parte da direção, que seja dita verdade – disse Espinosa, antes de ser questionado se deixava o clube com alguma mágoa. – Com o Grêmio, nenhuma. Com a direção, exceto o presidente (Romildo Bolzan), decepção total – completou.

O contrato inicial era até o final de 2016, mas o vínculo acabou estendido por conta do sucesso da campanha gremista e a conquista da Copa do Brasil.
Recentemente, a direção do Grêmio tinha deixado o coordenador técnico como responsável para ajudar a implementar nas categorias de base a mesma metodologia de jogo da equipe principal.

Com longa trajetória no clube, Espinosa é um dos responsáveis pela maior conquista da história do Grêmio. Foi o treinador que levou o Tricolor gaúcho a ser campeão da Libertadores e do mundo em 1983. O treinador também teve uma segunda passagem pelo clube em 1986, quando foi campeão gaúcho.

 

Fonte: Globo Esporte / Foto: Reprodução ESPN

Comente

Seu email não será exibido. Required fields are marked *

*

Ir para o topo da página