HOME > DESTAQUES > Polícia Civil investiga morte de idosa de 91 anos amarrada dentro de casa
Polícia Civil investiga morte de idosa de 91 anos amarrada dentro de casa

Polícia Civil investiga morte de idosa de 91 anos amarrada dentro de casa

Uma idosa foi encontrada morta dentro de casa, no centro de Canoas, na tarde de domingo (11). Segundo a Polícia Civil, o corpo da mulher de 91 anos, que não teve o nome divulgado, estava no chão, de bruços, com as mãos amarradas às costas, e com poças de sangue ao redor da cabeça. A casa estava com a porta e uma janela abertas, e pertences revirados.

A filha foi quem encontrou a mãe na residência. Posteriormente, ela percebeu que um tablet foi levado. A Polícia Civil acredita que um ou mais criminosos pularam o muro da casa e surpreenderam a vítima, que estava sozinha.

A hipótese de latrocínio (roubo com morte) é a principal linha de investigação para o caso. A delegada Katia Rheinheimer, responsável pela investigação, afirma, porém, que não descarta nenhuma possibilidade, e busca saber o que causou o ferimento. Ela aguarda o resultado da perícia no corpo e na residência. Segundo a delegada, a idosa não tinha problemas com familiares, amigos ou vizinhos. Ainda não há suspeitos.

Fonte: GaúchaZH / Foto:  Divulgação

LEIA MAIS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas