HOME > NOTÍCIAS > Temer vira réu pela sexta vez, agora por organização criminosa e obstrução de Justiça
Temer vira réu pela sexta vez, agora por organização criminosa e obstrução de Justiça

Temer vira réu pela sexta vez, agora por organização criminosa e obstrução de Justiça

O juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da Justiça Federal em Brasília, decidiu transformar o ex-presidente Michel Temer em réu pela sexta vez. Ele vai responder por organização criminosa junto com os ex-ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco. O ex-presidente também virou réu por obstrução de Justiça. A denúncia foi recebida pelo juiz na última sexta-feira (03), e a decisão foi disponibilizada ontem (06).

Em nota, a defesa de Temer afirmou que o ex-presidente “nunca integrou organização criminosa nem obstruiu a Justiça e por isso também essa acusação será desmascarada a seu tempo”. Por meio da assessoria, o advogado de Eliseu Padilha, Daniel Gerber, afirmou que o ex-ministro “se manifestará apenas nos autos do processo”. A defesa de Wellington Moreira Franco manifestou “a convicção de que ele será excluído da ação penal ou absolvido” quando os argumentos dele forem apresentados. Para a defesa do ex-ministro, “a acusação é uma peça inventiva, desvinculada da verdade”.

A denúncia foi inicialmente apresentada ao STF (Supremo Tribunal Federal) em 2017 pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Temer foi acusado de comandar uma organização criminosa e de tentar obstruir as investigações da Operação Lava-Jato.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas