HOME > DESTAQUES > Treinos no Manchester City e observado pelo Barcelona: a trajetória de Sarrafiore até se destacar no Inter
Treinos no Manchester City e observado pelo Barcelona: a trajetória de Sarrafiore até se destacar no Inter

Treinos no Manchester City e observado pelo Barcelona: a trajetória de Sarrafiore até se destacar no Inter

Sarrafiore voltou a se destacar no Inter com o belo gol marcado na vitória contra o Flamengo. Aos poucos, o argentino vai conquistando o seu espaço no Beira-Rio. Com qualidade nos treinamentos e boas atuações nos jogos, o meia já soma quatro gols pelo clube.

Além disso, vai ficando para trás a polêmica saída do Huracán, que cobra na Fifa supostas irregularidades na transferência para o Inter. Mas o que pouca gente sabe é que a história de Sarrafiore na sua formação em categorias de base tem várias curiosidades.

A sua trajetória começou cedo, aos 14 anos, na escolinha do Barcelona em Buenos Aires. A sua formação começou a ser desenvolvida com a metodologia do clube espanhol. Aos 15 anos, surgiu a possibilidade de atuar na base do clube do coração, o Boca Juniors, um gigante do futebol mundial, com imensa tradição na revelação de atletas.

Sarrafiore só deixou o time do coração por uma oportunidade considerada, na época,  irrecusável. Por meio do seu antigo empresário, foi levado ao poderoso Manchester City, da Inglaterra. Isso foi em 2012 e, na época, o time principal era dirigido por Roberto Mancini.

Por lá, o argentino ficou pouco tempo e apenas treinou nas categorias de base. A informação que recebeu é de que, como não tinha passaporte europeu, o seu aproveitamento no futuro seria complicado.

De volta à Argentina, trocou de agente, e a sua carreira passou a ser controlada por Matías Sabaag, seu empresário até hoje. No retorno, pouco antes de completar 16 anos, acertou-se com o Huracán.

Na equipe argentina, finalmente deslanchou, teve sequência e foi apontado como um fenômeno das categorias de base do clube. Até chegar o decisivo mês de dezembro de 2017, quando o atleta foi observado pelo Inter na disputa da Copa Ipiranga Sub-20, realizada no Rio Grande do Sul.

Também nesta competição, Sarrafiore foi acompanhado pelos observadores do Barcelona. Nas conversas entre os profissionais dos clubes que fazem este tipo de trabalho, o meia foi muito elogiado. A informação que foi passada é que ele só não recebeu um convite para treinar na Espanha porque os atletas desta posição e desta idade formados por lá são de um nível muito alto.

Desta maneira, Sarrafiore parou no Beira-Rio. Por aqui, teve um momento de adaptação até viver o seu melhor momento. Neste período, contou com a ajuda dos demais argentinos do clube, como D’Alessandro e Cuesta. Hoje, está totalmente ambientado. A expectativa interna é que ele tenha um rendimento cada vez melhor.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ir para o topo da página
Pular para a barra de ferramentas